quinta-feira, 19 de outubro de 2017

MALA - PARA CAMPING


foto sacola de viagem feminina

Para Eles

3 camisetas 
3 cuecas 
2 sungas 
1 blusa de frio 
1 calça 
2 bermudas 
3 pares de meia 
1 tênis velho 
1 chinelo 
1 calça jeans 

Para Elas 

3 blusinhas 
3 conjuntos de sutiã e calcinha 
2 biquínis 
1 blusa de frio 
1 calça 
2 shortinhos 
3 pares de meia 
1 tênis velho 
1 chinelo 
1 calça jeans 
1 vestido 
1 rasteirinha 

Para Todos

1 lanterna com pilhas novas 
1 canivete 
1 repelente 
Caneta e papel 
Sacolas para colocar roupas sujas 
Sacolas para colocar lixo 
Protetor solar 
Kit de higiene: sabonete, pasta de dente, pente, toalha de banho e papel higiênico 

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

VENCEDORES DO PRÊMIO O MELHOR DE VIAGEM E TURISMO 2017/18 EM SANTA CATARINA

Resultado de imagem para santa catarina
Entre os premiados, destaca-se Santa Catarina, que recebe o título de Melhor Estado pela décima vez.
Resultado de imagem para floripa
Santa Catarina ainda figura em dois prêmios: a capital, Florianópolis, foi considerada o Melhor Destino de Praia,
Resultado de imagem para beto carrero world
enquanto o prêmio de Melhor Parque Temático ficou para o Beto Carrero World, localizado em Penha, no litoral norte do estado.

domingo, 8 de outubro de 2017

BOAS HISTÓRIAS PARA CONTAR

De norte a sul do estado não faltam construções que transformam qualquer viagem em momentos inesquecíveis

TRÊS FRONTEIRAS
Dionísio Cerqueira
Resultado de imagem para marco das três fronteiras em dionísio cerqueira

No limite entre Paraná e Santa Catarina e na fronteira do Brasil com a Argentina, está o painel com as imagens das padroeiras do Brasil, Nossa Senhora Aparecida, e da Argentina, Virgem de Luján – cada uma voltada em direção ao seu país de origem. Às sextas-feiras, brasileiros e argentinos se reúnem no local para uma missa e turistas podem aproveitar para fotografar as três fronteiras – Paraná, Santa Catarina e divisa com território argentino. 

PARQUE SINO DA PAZ
Frei Rogério
Resultado de imagem para parque sino da paz frei rogerio

Principal comunidade japonesa do Sul do Brasil, a cidade de Frei Rogério começou a receber imigrantes na primeira metade da década de 60. Um museu foi erguido no município para lembrar a colonização nipônica e os ataques atômicos a Hiroshima e Nagasaki. O sino recolhido nos destroços de Nagasaki ganhou um monumento na praça e é tocado uma vez por ano para lembrar a tragédia que devastou o Japão. 

PRAÇA DO AVIÃO 
Resultado de imagem para praça do avião em rio negrinho
http://www.rionegrinho.sc.gov.br/c/aviao

A praça Odelgard Sapucaia ficou conhecida como praça do avião devido à réplica de um T6, avião monomotor pilotado por Odelgard e abatido na Itália durante a Segunda Guerra Mundial. Ao redor da praça há prédios com arquitetura alemã e o inusitado edifício onde funciona a prefeitura da cidade, com arquitetura inspirada no velho oeste americano. Na praça parte o trem de onde sai a Maria Fumaça que faz passeios até Rio Natal. 

MORRO DA ANTENA
Ibirama
Resultado de imagem para tirolesa morro da antes em ibirama

Os mil metros de cabo de aço partem do Morro da Antena até o centro da cidade naquela que é considerada a maior tirolesa urbana do Brasil. A aventura funciona de domingo a domingo, exceto quando não há condições climáticas para a descida. Há ainda a modalidade noturna, com percurso de cerca de 7 km, praticada apenas nas noites de lua cheia, e quando as condições climáticas se mostrarem favoráveis. 

CAMINHO DAS TROPAS 
São Pedro de Alcântara
Imagem relacionada

Construído em 1787, o Caminho das Tropas, chamado pelos colonos alemães de Kaiserlicherweg (Caminho Imperial) foi a primeira ligação de Desterro (atual Florianópolis) com a Vila de Nossa Senhora das Lages (atual município de Lages). Fragmentado em propriedades rurais da cidade ainda conserva trechos pavimentados no século XVIII e cercados de Mata Atlântica. O passeio permite uma das mais lindas vistas da região. 

Imagem relacionada

Localizada na entrada da Baía Norte (no município de Governador Celso Ramos, próximo a Florianópolis), a Fortaleza de Santa Cruz de Anhatomirim foi a principal fortificação do sistema defensivo da Ilha de Santa Catarina. Construída entre 1739 e 1744, tem 2.678 m2 de área construída e 60 canhões. Tombada nos anos 30, atualmente abriga uma estação de aquicultura, oceanografia e exposições artísticas. 

PAREDÃO ZÉ DO DIABO
Orleans
Resultado de imagem para zé diabo orleans sc

O painel de 200 metros esculpido nos anos 80 pelo artista e escultor José Fernandes (conhecido na região como Zé Diabo) retratam passagens bíblicas que vão da criação do homem aos profetas do velho testamento. Esculpidas em pedras nativas da região, as esculturas foram restauradas há dois anos e estão visíveis a quem passa de trem pela cidade. Um passeio pela região vale a visita. 



quarta-feira, 6 de setembro de 2017

SISTEMA DE FORTIFICAÇÕES DA ILHA DE SANTA CATARINA - PATRIMÔNIO MATERIAL EM SC

Florianópolis possui o maior conjunto de fortalezas do Brasil. Construídos pelos portugueses no século XVIII, quando Portugal e Espanha disputavam as terras do sul do continente, os fortes serviam de proteção para impedir as invasões espanholas.

Resultado de imagem para festa nas fortalezas de floripa

Esse conjunto, Patrimônio Histórico Nacional, permaneceu abandonado e em ruínas ao longo de muitos anos. Atualmente, as fortalezas – gerenciadas pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) – são os principais pontos de atração turístico-cultural da região de Florianópolis, sendo visitadas anualmente por mais de 300 mil pessoas. Conhecê-las significa desfrutar de uma verdadeira viagem no tempo.

Resultado de imagem para festa nas fortalezas de floripa

O tombamento do Sistema de Fortificações - integrado pelas fortalezas de Santo Antônio de Ratones, de São José da Ponta Grossa, de Anhatomirim e de Santana - foi concluído após a década de 1970, com a proteção da Fortaleza Nossa Senhora da Conceição de Araçatuba e do Forte Santa Bárbara. 

Imagem relacionada

SÃO FRANCISCO DO SUL - PATRIMÔNIO MATERIAL EM SC

Cidade histórica, pacata e tranquila com 150 prédios tombados como Patrimônio Histórico e Artístico. A natureza na ilha de São Francisco é bem generosa, praias e baías exuberantes que convidam ao banho, surfe, pesca e passeios de barco.

Imagem relacionada

Fundada em 1504, foi a primeira povoação criada em Santa Catarina e a terceira do Brasil. Colonizada por açorianos ainda no século XVIII, desenvolveu-se às margens da Baía da Babitonga, um maravilhoso arquipélago formado por 14 belas ilhas. O município está localizado em Santa Catarina , o segundo estado que mais recebe estrangeiros do Brasil, com praias como a Praia do Molhe, que oferece condições ideais para a prática de esportes náuticos como o Surfe e o Bodyboard; a Praia da Saudade ou Prainha, uma das mais bonitas e mais procuradas pelos surfistas, onde acontecem os grandes campeonatos de surfe; e a Praia Grande, preferida dos pescadores e naturistas. As praias do Balneário de Paulas são de águas calmas ricas em peixe e mariscos, que constituem a base da alimentação daquela comunidade e é uma das principais fontes de renda dos moradores.

Resultado de imagem para baia da babitonga

O núcleo original da cidade - com 400 imóveis - foi tombado pelo Iphan, em 1987. Antigos casarios em estilo colonial, sambaquis, antigas igrejas, cerca de 150 casas e monumentos estão sob a proteção federal. No conjunto urbano está o centro cívico e religioso e, no seu entorno, funcionam comércio e prestação de serviços. Localizada na Baía de Babitonga (litoral de Santa Catarina), é uma das povoações mais antigas do Brasil. A cidade recebeu, ao longo da sua história, navegadores de diversas nacionalidades, principalmente franceses e espanhóis. A região, habitada pelos índios Carijó, conviveu algum tempo com a expedição do francês Binot Paulmier de Gonneville, comandante da expedição que partira da França, um ano antes, e desembarcou nas praias da Babitonga, em 1504. 

Imagem relacionada

LAGUNA - PATRIMÔNIO MATERIAL EM SC

Terra de Anita Garibaldi, Laguna foi onde nasceu a heroína brasileira e viveu durante a Revolução Farroupilha com seu amado Giuseppe. Toda essa história e acontecimentos estão bem contatos no Museu Anita Garibaldi e em sua antiga casa, no Centro Histórico.

Imagem relacionada

Mas, Laguna vai além das histórias. As belas praias também convidam os turistas para curtir o veraneio na região. Gi e de Itapirubá são as praias concorridas para banhos, enquanto que Tamborete, do Cardoso e Gravatá são ótimas para surf. A Prainha é point dos jovens e abriga o Farol de Santa Marta com uma bela vista panorâmica do litoral de Laguna. A temporada das Baleias Francas em Laguna atraem muitos observadores. Outra atração é a pesca com auxílio dos botos em Laguna.

Resultado de imagem para praias de laguna

Tombado pelo Iphan em 1985, o centro histórico da cidade formou-se a partir do porto original onde estão cerca de 600 imóveis - foi a terceira povoação portuguesa no litoral de Santa Catarina. De seu extenso território original desmembraram-se duas capitais: Florianópolis (SC), e Porto Alegre (RS). Além de outras edificações, está protegido o Marco de Tordesilhas, relativo ao pacto assinado em 1494 entre Portugal e Espanha, que fixava uma linha divisória a 370 léguas a oeste de Cabo Verde, passando ao Norte, no Pará, e ao Sul, em Laguna, dividindo assim as terras da América entre as duas coroas. Terra natal de Anita Garibaldi, Laguna testemunhou importantes momentos da Revolução Farroupilha (Guerra dos Farrapos), entre 1835 e 1845. Em 1839, o revolucionário italiano Giuseppe Garibaldi, os líderes David Canabarro e Teixeira Nunes, além dos soldados farroupilhas, conquistam a Vila de Laguna, declarando a República Catarinense, sob o comando de Jerônimo de Castilho. 

Resultado de imagem para laguna patrimonio histórico